Quem tem pressão alta sofre com muitas restrições na alimentação. É preciso ter cautela, pois alguns alimentos ou medicamentos podem aumentar a pressão arterial ou interferir no efeito dos remédios para manter a pressão controlada.

No post de hoje, baseado em dúvidas frequentes encontradas na internet, vamos responder o que uma pessoa hipertensa pode e o que não pode fazer. Lembrando sempre de que consultar um médico é essencial, pois ele vai avaliar cada caso específico, e que o segredo de uma boa alimentação é a moderação.

  • …tomar chá de hibisco?

Sim, mas de forma moderada. O hibisco é rico em nutrientes, como cálcio, magnésio, potássio e fósforo e tem uma ação diurética. Esses fatores ajudam a reduzir a pressão arterial, mas é preciso ter cautela ao ingerir o chá feito com o cálice dessa flor.

O perigo está quando a pessoa hipertensa toma remédios para controlar a pressão alta. Quando esses medicamentos são combinados com o chá de hibisco, a pressão pode abaixar mais do que o necessário, causando uma hipotensão.

  • …tomar chá de canela?

Sim, mas de forma moderada. Como a canela tem compostos fenólicos e antioxidantes, ele também ajuda na redução da pressão arterial. Isso acontece porque a canela ajuda a reduzir o acúmulo de placas de gordura nas artérias, promovendo um aumento de óxido nítrico, substância que ajuda a melhorar o sistema cardiovascular e evitar doenças cardíacas.

No geral, o público hipertenso pode tomar o chá de canela, desde que de forma moderada e orientado por um médico ou nutricionista. O consumo diário não deve passar de 6g, pois existem efeitos colaterais para o consumo excessivo de canela, como alteração dos batimentos cardíacos, úlcera e intoxicação.

  • …tomar chá de gengibre?

Depende. O gengibre é muito bom para ajudar a diminuir a necessidade de sal nos alimentos, por isso, nas dietas para hipertensos, ele é mais indicado como um tempero natural. Mas como entre suas propriedades, está a função vasodilatadora — que relaxa e dilata os vasos sanguíneos, melhorando o fluxo de sangue nas artérias — o gengibre também ajuda na redução da pressão arterial.

Apesar disso, o consumo do chá de gengibre por pessoas hipertensas deve ser orientado por um médico, pois ele pode interferir no efeito de alguns remédios consumidos para o controle da pressão alta e desregular a sua pressão arterial. Quem toma remédios anticoagulantes deve evitar o consumo, pois pode aumentar o risco de hemorragias.

  • …tomar chá verde?

Sim, mas de forma moderada. Apesar do chá verde ser rico em polifenóis e ter efeito vasodilatador, ele também possui uma pequena dose de cafeína, o que pode interferir no efeito do chá para pessoas que não consomem cafeína com regularidade.

Não há estudos que comprovam o efeito de diminuir a pressão arterial ao ingerir o chá verde. Na verdade, os resultados são conflitantes, segundo o artigo da Revista HUPE. Enquanto uns estudos associam o chá verde com a redução da pressão arterial, outros não associam a nada.

  • …tomar café?

Sim, mas de forma moderada. Quem tem o costume de ingerir cafeína, não sofre alteração na pressão arterial quando toma café. Agora, quem não tem esse costume, pode sofrer um aumento momentâneo da pressão ao tomar essa bebida.

No geral, o café até faz bem para a saúde do coração, mas pesquisas recentes, publicadas no caderno de saúde da revista Abril, mostram que pessoas que são predispostas a terem hipertensão e que consomem café em quantidades maiores que três xícaras por dia, têm uma probabilidade maior de sofrer aumento na pressão arterial ao tomar café.

  • …tomar canela de velho?

Não há estudos que dizem se hipertensos podem ou não tomar canela de velho. As contraindicações do chá são para pessoas alérgicas a esta planta, grávidas, mulheres que estejam amamentando e crianças. O uso em excesso pode causar sensação de mal-estar no estômago.

O chá de canela de velho reduz a dor e a inflamação das articulações, por isso é muito usado por quem sofre de artrose, dores na coluna e dores musculares. Caso a pessoa seja hipertensa e queira tomar esse chá, recomenda-se que consulte o médico para analisar o caso.

  • …tomar Ibuprofeno?

Sim, mas é melhor evitar. O Ibuprofeno é indicado como anti-inflamatório, aliviando dores e febre, mas além de pressão alta, quem tem colesterol alto, excesso de peso e diabetes deve tomar cuidado com o ibuprofeno, pois esse medicamento pode aumentar as chances de ataque cardíaco, derrame e hipertensão.

Em caso de dúvidas, a pessoa deve se consultar com um médico que vai avaliar todo o histórico e definir se o uso do ibuprofeno é permitido ou não.

  • …tomar Paracetamol?

Sim. Não há nenhuma contraindicação.

  • …tomar Dipirona?

Não é indicado. A dipirona é um remédio para dores e febre e tem um efeito hipotensivo, ou seja, reduz a pressão arterial como um efeito colateral do medicamento. Porém, essa hipotensão pode causar taquicardia e elevar a pressão arterial mais alta do que estava antes de tomar o remédio. Então o melhor é evitar a dipirona.

  • …tomar Losartana?

Sim. Inclusive, o Losartana é um dos medicamentos que podem ser indicados para pressão alta e para insuficiência cardíaca. Mas, como todo remédio, o Losartana tem algumas contraindicações, por isso o uso deve ser feito sob orientação médica.

  • …tomar Viagra?

Depende. O Viagra é utilizado para o tratamento de disfunção erétil. As pessoas que tomam remédios para pressão alta da classe Nitratos, não podem tomar Viagra, pois esses medicamentos relaxam os vasos sanguíneos para reduzir a pressão arterial, e como o Viagra faz algo similar, ele pode potencializar esse efeito relaxante, podendo causar quedas brutas da pressão arterial, desmaios e até infarto.

Já aqueles que usam outros tipos de medicamento (sem nitratos) estão autorizados a tomar o Viagra. Por via das dúvidas, o melhor é consultar um médico.

  • …tomar anticoncepcional?

Depende. O anticoncepcional é um dos métodos para evitar a gravidez. O uso do medicamento que contém o hormônio estrogênio não é indicado para quem sofre de pressão alta, pois esse hormônio sintético pode agravar a hipertensão.

Já os métodos contraceptivos sem estrogênio podem ser ingeridos normalmente.

  • …tomar energético?

Não é indicado. As bebidas energéticas causam um aumento de pressão e da frequência cardíaca mesmo em pessoas saudáveis devido ao alto nível de cafeína e taurina presente nessa bebida. Então, não é recomendado que pessoas hipertensas tomem energéticos.

  • …tomar cerveja?

Sim, mas de forma moderada. Não só a cerveja, mas o consumo de bebida alcoólica no geral pode prejudicar a saúde do hipertenso. A recomendação é tomar doses bem pequenas, entre um e três drinks (1 drink = 355ml de cerveja), pois o consumo em excesso pode elevar a pressão arterial momentaneamente, e se o consumo for consecutivo, essa elevação pode causar um quadro de hipertensão grave.

Outro cuidado que o hipertenso deve tomar é a questão da mistura do consumo do álcool com os medicamentos contra a pressão alta. Existem alguns remédios que tem a eficácia interferida e os efeitos colaterais aumentados quando consumido junto com álcool.

  • …tomar vinho?

Sim, mas de forma moderada. O vinho pode trazer até benefícios para a saúde, quando consumido na quantidade certa. Esses benefícios vêm das propriedades das uvas, que são ricas em polifenóis, que tem ação antioxidante, e resveratrol, que reduz a pressão alta e combate o colesterol ruim.

O recomendado é tomar até duas taças de vinho por dia, para os homens, e uma taça por dia, para as mulheres. Dessa forma é possível aproveitar todos os benefícios que o vinho pode promover a saúde.

  • …tomar vacina da gripe?

Sim, mas não esqueça de consultar seu médico. Antes de tomar qualquer vacina, o hipertenso deve consultar o seu médico para saber se pode ou não tomar. No caso da vacina contra a gripe, os hipertensos estão até na lista prioritária.

  • …tomar Whey Protein?

Sim. Segundo estudos do International Dairy Journal, o Whey Protein (proteína do soro do leite), além de melhorar a força muscular, ser usado como supressor do apetite e controlar o açúcar no sangue, ele também reduz a pressão arterial.

  • …tomar colágeno hidrolisado?

Depende. O colágeno hidrolisado é um suplemento alimentar que estimula a produção de colágeno no corpo. Na bula, não há nenhuma contra indicação, mas em caso de dúvida, é melhor consultar um médico.

  • …comer pimenta?

Depende. Os estudos sobre os efeitos da pimenta sob a pressão arterial são conflitantes: alguns sugerem que a pimenta ajuda a reduzir a pressão e outros dizem que, na verdade, aumenta a pressão.

O que é comprovado é que a pimenta tem efeito antioxidante e um dos ingredientes ativos da pimenta (a capsaicina) relaxa os vasos sanguíneos. Então, o melhor é consultar um médico para que ele estude o seu caso e lhe oriente melhor.

  • …doar sangue?

Sim, mas com algumas recomendações. Quem tem hipertensão pode doar sangue desde que a pressão esteja controlada, tome remédios que não contraindique a doação e não tenha alterações de órgãos alvo. No dia da doação, a pressão deve estar abaixo de 14 por 9.

Para garantir essas recomendações, um médico deverá assinar um relatório informando as condições clínicas do doador, assim como o tratamento e o acompanhamento realizado.

Agora que já tiramos algumas dúvidas sobre o que as pessoas hipertensas podem e o que não podem fazer, você pode conferir nosso outro post sobre o melhor aparelho de pressão para ter em casa e manter o controle da sua pressão arterial. Boa leitura!