O que é dermatite? Descubra quais são os tipos dessa doença 

| |

Com a chegada dos dias mais frios e secos, a pele fica mais ressecada e isso pode dar origem a coceira, vermelhidão e até mesmo pequenas bolhas e descamação. É a chamada dermatite, uma inflamação comum que pode surgir em diversas áreas do corpo e em qualquer idade.  

E para que você saiba mais sobre esse problema, confira este nosso novo conteúdo. Boa leitura! 

O que é a dermatite?

A dermatite é uma doença inflamatória da pele que causa vermelhidão, coceira e bolhas. Ela não é contagiosa, ou seja, não é transmitida por contato direto ou por objetos de uso pessoal. 

Além do desconforto físico, ela pode também gerar desconfortos psicológicos, já que interfere na autoestima dos pacientes. 

As dermatites podem ser causadas por diversos motivos, como alergias, efeitos colaterais de algum medicamento, fatores genéticos, banhos quentes e agentes externos, como:

  •  tecidos sintéticos;
  •  plantas;
  •  metais, como níquel que é muito comum em bijuterias e relógios;
  •  cosméticos;
  •  medicamentos de uso tópico (antifúngicos, anestésicos e antibióticos);
  •  produtos de limpeza; e
  •  produtos químicos.

No entanto, a boa notícia é que a dermatite pode ser facilmente controlada com autocuidado e as orientações e tratamentos médicos corretos, como remédios ou cremes de uso tópico prescritos pelo médico e de acordo com a sua causa.

Os principais tipos de dermatites 

Existem vários tipos de dermatites e entre os principais podemos citar:

Dermatite de contato

É uma reação inflamatória que ocorre na pele devido ao contato com um componente que causa irritação ou alergia. 

Erupção cutânea, coceira, vermelhidão e descamação são sintomas comuns, mas não é contagiosa ou oferece risco de vida.

Dermatite atópica

É o tipo mais comum de dermatite. É uma doença crônica da pele que apresenta erupções que coçam e apresentam crostas, cujo surgimento é mais comum nas dobras dos braços e da parte de trás dos joelhos. 

Pode vir acompanhada de asma ou rinite alérgica.

Dermatite seborreica

É uma doença crônica, frequente e recorrente. Ocorre  em regiões da pele ricas em glândulas sebáceas como face e couro cabeludo. 

É mais comum no lactente nos primeiros meses de vida e no adulto jovem, principalmente homens.

Dermatite herpetiforme

É uma dermatite causada pela intolerância ao glúten. 

Surgem bolhas e a sensação de queimação intensa e coceira.

Dermatite ocre

É um tipo de dermatite causado pelo acúmulo de sangue nas pernas e tornozelos e é caracterizada por manchas arroxeadas ou amarronzadas.

Dermatite numular

Provoca coceira, inflamação e manchas em forma de moeda, que apresentam bolhas minúsculas, crostas e escamas. 

É mais comum em pessoas de meia idade e idosos.

Dermatite perioral

Surge ao redor da boca em forma de manchas redondas e vermelhas. 

É mais comum em mulheres entre 20 e 45 anos.

Como tratar as dermatites

O clínico geral, dermatologista, alergista e imunologista são os profissionais médicos capacitados para diagnosticar e tratar dermatites.

Na maioria dos casos, os tratamentos têm como objetivo reduzir os sintomas, já que as dermatites causam desconfortos estéticos e funcionais. 

Quando o quadro estiver controlado, é importante fazer uso diário de produtos que fortaleçam a pele, como cremes específicos que hidratam a pele e aliviam a irritação, coceira e vermelhidão.

Em alguns casos, coçar as erupções causadas pela dermatite pode machucar a pele e causar feridas abertas. Nesses casos, é importantíssimo tomar as medidas corretas para cicatrizar as lesões, fazendo curativos para evitar contaminações e outras complicações. 

Como evitar dermatites

  • Procure levar uma vida tranquila, praticar atividades físicas relaxantes e tenha uma alimentação saudável. O estresse pode fazer com que surja dermatite, ou mesmo agravar o quadro já existente. 
  • Evite banhos quentes ou muito longos e use sabonetes neutros.
  • Prefira produtos de limpeza sem perfume e, se possível, use luvas.
  • Hidrate a pele todos os dias enquanto ela ainda estiver úmida, principalmente nos dias frios e secos.     
  • Evite o contato com alérgenos presentes nos ambientes, como poeira, pólen e tabaco.

Agora que você já sabe tudo sobre dermatites, que tal conferir nosso artigo 6 doenças de pele que precisam da sua atenção?

 

Anterior

Como usar o termômetro infravermelho: na testa ou no punho?

Deixe um comentário