Início>Cuidados com a saúde>Qualidade de Vida>Entenda o que é bioimpedância e como funciona

Entenda o que é bioimpedância e como funciona

Por |2019-12-19T11:26:05-03:0019/11/2019|Cuidados com a saúde, Qualidade de Vida|0 Comentários

Você sabe o que é bioimpedância? Bom, ao iniciar algum tipo de dieta ou atividade física, a maioria das pessoas têm um único foco: a perda de peso. E, de preferência, que essa perda signifique reduzir o número de quilos o mais rápido possível, certo? Essa, contudo, é uma ideia equivocada, já que o peso não se refere apenas à quantidade.

É interessante medir também a qualidade desse peso — e é justamente para isso que serve a bioimpedância. Trata-se de um exame, muito rápido de ser feito, que determina parâmetros fundamentais para o acompanhamento da sua saúde e, consequentemente, das suas atividades físicas e dietas.

Ficou interessado? Então, continue lendo para entender melhor o que é bioimpedância, como esse exame funciona e de que maneira é possível garantir resultados exatos!

Afinal, o que é bioimpedância?

Como dissemos, esse é um exame que analisa a composição corporal e indica a quantidade aproximada de músculo, ossos e gordura que uma pessoa tem. Ele é bastante comum em academias e pode servir de complemento para consultas e avaliações nutricionais. Em outras palavras, é interessante para quem deseja fazer uma análise profunda do plano de treino ou dieta.

Quando realizado juntamente ao nutricionista, esse exame traz resultados importantes para que o profissional trace diferentes estratégias de alimentação, de acordo não só com os seus hábitos, mas também de acordo com o seu organismo.

Hoje, ele é considerado um dos métodos mais confiáveis de medição — mais do que o adipômetro. Isso porque seu acompanhamento é minucioso, permitindo o acompanhamento de mudanças ao longo do tempo de maneira mais eficaz.

Como o exame funciona

O exame de bioimpedância pode ser realizado de duas maneiras. Na primeira, o paciente deve ficar deitado em uma maca segurando dois eletrodos nas mãos e tendo dois outros nos pés, todos conectados ao aparelho de bioimpedância. Na segunda, o paciente só precisa se posicionar em cima de uma balança especial.

Ambos os métodos são muitos rápidos, durando cerca de 5 minutos. Basta que a corrente elétrica (de baixa voltagem) passe pelo corpo, conduzida pela água presente no próprio organismo. Esse exame pode ser realizado a cada 3 ou 6 meses. Assim, a ideia é comparar os valores anteriores com os atuais e verificar se a pessoa apresenta alguma evolução em sua composição corporal.

Os resultados obtidos serão referentes aos seguintes valores:

  • massa magra, gorda e muscular;
  • densidade óssea;
  • gordura visceral;
  • taxa de metabolismo basal (quantidade de calorias gastas pelo corpo para o seu funcionamento).

Quais são os equipamentos próprios para esse tipo de medição?

Como dissemos, um dos métodos de realização do exame é feito com balanças especiais, próprias para esse tipo de medição, como a Tanita ou Omron. Basicamente, elas têm placas de metal que conduzem um fraco tipo de corrente elétrica capaz de atravessar todo o corpo do paciente.

Assim, além do peso atual da pessoa, elas conseguem indicar toda a quantidade de músculo, gordura, calorias queimadas ao longo do dia e água. Tudo isso levando em consideração o sexo, a altura, a idade e a intensidade de atividade física praticada pelo paciente — dados que são introduzidos na própria balança.

Como esses aparelhos funcionam

Os tecidos do nosso corpo que são mais hidratados, como os músculos, por exemplo, permitem que a corrente elétrica da balança passe naturalmente e bem rápido. Já as gorduras e os ossos são menos hidratados, logo, a corrente passa por eles com um pouco mais de dificuldade.

É essa diferença na resistência — de acordo com a velocidade com que a corrente percorre cada tecido — que permite à balança calcular os indicativos referentes à massa magra, à água e à gordura no organismo. Justamente por isso, para garantir a precisão desses resultados é preciso subir na balança descalço e sem usar meias. Já no caso da medição com aparelhos menores, é preciso segurar as placas de metal com as mãos.

Vale dizer que a medição realizada pelas balanças é muito mais precisa, especialmente no que diz respeito à metade inferior do corpo. Já o aparelho, quando segurado pelas mãos, é essencial para a parte superior do corpo. Dessa forma, a melhor maneira de realizar o exame de bioimpedância é com um aparelho que combine esses dois métodos.

O que fazer no pré-exame para garantir resultados exatos?

De fato, não basta entender o que é bioimpedância para obter os melhores resultados. Para que os valores de massa magra e de massa gorda sejam indicados corretamente, algumas medidas precisam ser tomadas, desde mesmo o pré-exame.

Em primeiro lugar, não coma, não beba café e não faça nenhum tipo de exercício físico nas 4 horas que antecedem o exame. Também é proibido ingerir bebidas alcoólicas nas 24 horas anteriores. Não passe cremes nas mãos ou nos pés no dia do procedimento, e use peças de roupas leves e pequenas, para que não interfiram no seu peso. Por fim, beba de 2 a 4 copos de água 2 horas antes do exame.

Essa preparação é fundamental para que os resultados exatos sejam garantidos, especialmente no que se refere à hidratação. Se o seu corpo tiver com pouca água para a corrente elétrica percorrer, os valores de massa gorda que aparecerem podem ser maiores que o valor real, por exemplo.

Se você tem problemas de retenção de líquidos, não deixe de informar isso ao técnico e tente realizar o exame nas primeiras horas da manhã (o mais cedo possível). Isso porque o excesso de água em seu corpo pode apresentar um resultado de massa magra maior do que é na realidade.

Enfim, agora que você tem uma boa noção sobre o que é bioimpedância e como ela funciona, já pode compreender melhor a importância desse tipo de análise, certo? Quando feita de tempos em tempos e da maneira certa, os seus resultados podem deixar os pacientes mais motivados, seja qual for o seu objetivo!

Gostou da leitura? Então, o que acha de continuar se aprofundando no assunto e ler também sobre estes 5 produtos essenciais para a sua saúde?

Deixar Um Comentário