Início>Cuidados com a saúde>Qualidade de Vida>Mamoplastia: cuidados no pós-operatório

Mamoplastia: cuidados no pós-operatório

Por |2020-05-11T14:46:43-03:0028/04/2020|Cuidados com a saúde, Qualidade de Vida|0 Comentários

Se você está se preparando para a sua tão sonhada mamoplastia, este texto é para você! 

Confira todos os cuidados que você deve ter no pós-operatório de uma cirurgia de redução ou aumento das mamas.

Siga nossas dicas direitinho e saia desfilando por aí seu novo visual com tranquilidade, saúde e segurança.

Boa leitura!

O que é a mamoplastia?

De acordo com a Revista Brasileira de Cirurgia Plástica, o Brasil é um dos líderes mundiais em número de procedimentos realizados anualmente. Em uma pesquisa recente, a Sociedade Internacional de Cirurgia Estética (ISAPS) mostrou que, em 2017, foram realizadas 2.524.115 cirurgias plásticas no Brasil com fins estéticos. E entre tantas cirurgias, a mamoplastia é apontada como um dos procedimentos mais comuns. 

Para quem não sabe o que é a mamoplastia, é a cirurgia plástica das mamas com o objetivo de alterar seu volume ou formato. 

Ela pode acontecer para aumento dos seios, por meio da aplicação de próteses de silicone. Mas também pode acontecer para a redução do volume e peso das mamas, com a retirada de tecido mamário, ajudando assim a reduzir a dor nas costas e o peso nos ombros. 

Cuidados no pós-operatório de uma mamoplastia

Depois de uma mamoplastia, são necessários os cuidados básicos que devem ser observados após qualquer tipo de cirurgia, tais como:

  • uso dos medicamentos prescritos pelos médicos contra as dores (analgésicos) e infecções (antibióticos, se necessários); 
  • não tracionar a região operada; 
  • cuidar bem dos curativos;
  • manter uma dieta adequada.

No entanto, no caso específico da mamoplastia, os seguintes cuidados são necessários.

1. Movimentação dos braços

Deve-se restringir os movimentos dos braços no pós-cirúrgico, pois, ao mexer os braços, o músculo peitoral que sustenta as mamas também se movimenta, e isso pode afetar a recuperação e a cicatrização. 

O ideal é que, por um período de 30 dias, a paciente não levante os braços e que os movimentos sejam lentos.

2. Atividade física

Apesar de existir restrição dos movimentos, pequenas caminhadas diárias são aconselhadas. Isso é muito importante para prevenir uma trombose que pode levar a uma embolia pulmonar, um acidente vascular cerebral ou outros problemas relacionados. 

No entanto, aulas aeróbicas, corrida, pilates, ioga e natação, só devem ser feitas após 60 dias. 

3. Posição de descanso

Durante os primeiros 60 dias após a cirurgia, deve-se dormir de barriga pra cima. Não se deve dormir de barriga para baixo ou de lado.

Essa recomendação é importante pois assim se evita o deslocamento da prótese ou até mesmo sangramentos.

4. Dirigir

Deve-se esperar ao menos 2 semanas para voltar a dirigir, principalmente se for um carro não automático que precisa de troca de marchas. Afinal, todo movimento brusco ou muito amplo com os braços deve ser evitado no pós-operatório.

5. Carregar peso

A restrição de não levantar ou carregar pesos acima de 5 kg deve ser seguida até pelo menos 30 dias após a mamoplastia.  

E atenção! Para as mulheres que são mães de crianças pequenas é recomendado não levantar a criança do chão. No entanto, é permitido segurar a criança no colo.

6. Uso do sutiã pós-cirúrgico

O uso do sutiã pós-cirúrgico é fundamental e deve acontecer desde o dia da cirurgia até pelo menos 30 dias depois.  

Ele é importante porque reduz o risco de sangramento por meio da compressão dos seios e ajuda também a amenizar a dor no pós-operatório, mantém os seios no lugar e evita a flacidez.  

Após 30 dias, pode-se usar um sutiã sem arame, porém com boa sustentação. Após este período, é permitido usar qualquer sutiã.

Para entender mais sobre a importância do sutiã pós-cirúrgico, vale a pena conferir um outro artigo nosso aqui no blog: Sutiã pós-cirúrgico: entenda sua importância.

7. Banho de sol

A melhor opção é sempre realizar a cirurgia no outono-inverno, uma vez que é proibido tomar sol até 30 dias após a cirurgia. No entanto, em alguns casos, a paciente pode precisar ficar mais tempo afastada do sol, dependendo da evolução dos hematomas e cicatrizes.

E por falar em cicatrizes, elas não devem ser expostas ao sol por pelo menos um ano e após esse tempo, somente com protetor solar.  

Então, gostou das dicas de cuidados no pós-operatório da mamoplastia? E para mais dicas de saúde, qualidade de vida e bem-estar, acompanhe nosso blog. Temos sempre novidades por aqui. 

Deixar Um Comentário