Instrumentação cirúrgica: quais os principais cuidados que você deve ter?
>, Formação, Profissionais da Saúde>Instrumentação cirúrgica: quais os principais cuidados que você deve ter?

Instrumentação cirúrgica: quais os principais cuidados que você deve ter?

A instrumentação cirúrgica é uma atividade essencial para o sucesso de um procedimento operatório. Ao lado do médico cirurgião, o profissional técnico é o responsável pela separação, higienização, montagem e fornecimento dos instrumentos utilizados no procedimento.

Neste artigo, você vai conhecer os principais cuidados que um instrumentador cirúrgico precisa ter para que a operação seja o mais segura, eficiente e rápida quanto possível. Acompanhe!

Os instrumentos cirúrgicos

Os instrumentos cirúrgicos são peças que possibilitam as manobras do cirurgião durante o procedimento operatório. A maioria tem fins muito específicos, por isso, em uma mesma cirurgia o médico pode precisar de uma série de itens. Para facilitar o manuseio, ele conta com um profissional técnico especializado. Alguns dos itens que fazem parte do seu dia a dia são:

Os cuidados na instrumentação cirúrgica

Como você viu, a instrumentação cirúrgica envolve materiais com diferenças muito sutis, no entanto, decisivas para o sucesso do procedimento. Portanto, o trabalho do profissional é de grande responsabilidade. Veja alguns dos principais cuidados:

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.
Powered by Rock Convert

Conhecimento dos instrumentos

Para começar, o profissional da instrumentação cirúrgica precisa de um conhecimento profundo sobre os materiais utilizados nos procedimentos operatórios. Como os nomes não são intuitivos (pois geralmente se referem aos seus idealizadores), o instrumentador deve conhecer as particularidades de cada item e sua função.

Higienização correta

A higienização correta dos instrumentos cirúrgicos está entre os cuidados fundamentais, pois interfere diretamente na segurança do paciente. Os materiais precisam passar por uma limpeza adequada — em água desmineralizada e deionizada e detergentes neutros — e, em seguida, esterilizados.

Uso de equipamentos de proteção

Para evitar a contaminação dos materiais e, também, para a segurança do próprio instrumentador, os Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) são obrigatórios. Em geral, o profissional deve utilizar:

  • touca e avental cirúrgico;
  • máscara de proteção;
  • luvas e propés.

Conferência de ordem e quantidade

O profissional da instrumentação cirúrgica também é o responsável por organizar a mesa. Por isso, ele deve cuidar da ordenação dos materiais e se certificar de que haja a quantidade necessária de cada item durante o procedimento. Erros nesse sentido podem condicionar problemas no andamento da cirurgia.

Entendimento sobre a cirurgia

Para uma operação rápida e com possibilidade de falhas reduzida, o profissional também deve ter noções sobre o procedimento. Desse modo, consegue acompanhar o andamento da cirurgia, se antecipar frente às necessidades da situação e agilizar o manuseio dos materiais pelo médico cirurgião.

Agora, você já sabe um pouco mais sobre a instrumentação cirúrgica e a importância dessa função. Também descobriu quem é o profissional responsável pela administração e higienização dos materiais e os cuidados que devem ser tomados por ele.

Para ler outros conteúdos sobre o universo médico e hospitalar, assine a nossa newsletter! Assim, avisaremos por e-mail quando o blog for atualizado.

Deixe seu comentário