Usar uma bolsa de colostomia pode trazer alguns desafios, mas isso só acontece quando o paciente não tem conhecimento sobre os diversos dispositivos que existem para ajudá-lo a viver cada vez melhor com a bolsa coletora.

Hoje nós vamos falar sobre filtro para bolsa de colostomia e como ele ajuda a reduzir os gases e os odores da bolsa coletora. São incômodos comuns quando o recipiente fica cheio de ar e começa a aparecer aquela protuberância por baixo da roupa, mostrando que algo não está certo ali ou quando escapa algum cheiro indesejado.

Esses problemas podem ser facilmente resolvidos com um filtro de carvão. Ele é muito simples de ser usado e, além de eliminar o ar da bolsa coletora, evitando que ela infle. O efeito do carvão, além de retirar os gases, também tem ação protetora contra odores.

Como usar o filtro de carvão?

Como referência, vamos falar sobre o filtro de carvão da Coloplast. O Filtro odor é um filtro para bolsa de colostomia adesivo e descartável. Ele é vendido em uma cartela com 10 unidades e vem acompanhado com um alfinete especial que será utilizada na aplicação do acessório. Acompanhe o vídeo a seguir:

 

Por esse furo irá sair o ar da bolsa de colostomia e os odores indesejáveis serão filtrados. O adesivo deve ser colado na parte superior da bolsa coletora para que não haja risco de vazamentos pelo furo feito com o alfinete.

Caso um único furo não seja suficiente para eliminar os gases e evitar que a bolsa fique inflada, o fabricante permite que mais dois furos sejam feitos no filtro. Lembrando que esse filtro tem aderência em qualquer bolsa coletora.

Outras formas de evitar os gases e odores

Algumas coisas podem influenciar na produção de gases e de odores na bolsa de colostomia, como o desempenho dos equipamentos de ostomia e a alimentação, por isso vamos dar algumas dicas agora para evitar esse problema.

  1. Verifique sempre se os equipamentos estão na validade;
  2. Certifique-se de que a bolsa e a barreira estão bem aderidas no estoma;
  3. Evite alimentos formadores de gases (veja a lista desses alimentos abaixo);
  4. Bebidas com gás, como refrigerante, água com gás e cerveja, também devem ser evitados;
  5. Não esqueça que é essencial ingerir bastante água.

Alimentos que causam gases e odores

Citamos anteriormente que para evitar gases e odores devemos evitar alguns alimentos que contribuem para isso. Vamos abordar agora alimentos que contribuem para a produção de gases, odores e aqueles que podem ser ingeridos para amenizar essas características.

Alimentos que causam odores

  • Cebola;
  • Feijão;
  • Repolho;
  • Brócolis;
  • Couve-flor;
  • Ovos;
  • Peixe;
  • Alho cru;
  • Batata doce;
  • Couve;
  • Carne defumada.

Alimentos que causam gases

  • Arroz integral;
  • Macarrão;
  • Pepino;
  • Grão de bico;
  • Repolho;
  • Brócolis;
  • Couve-flor;
  • Ovos;
  • Peixes e frutos do mar;
  • Alho cru;
  • Batata doce;
  • Couve;
  • Carne defumada;
  • Rabanetes;
  • Nabos;
  • Leite;
  • Queijos;
  • Frituras e doces;
  • Refrigerantes;
  • Alimentos ricos em frutose como cebola, pêra e alcachofra;
  • Leguminosas como feijão, ervilha e lentilha.

Alimentos que podem ajudar

  • Pêssego;
  • Maçã;
  • Pêra;
  • Banana maçã;
  • Goiaba;
  • Cenoura;
  • Espinafre;
  • Chuchu;
  • Iogurte natural;
  • Chás de hortelã, erva-doce, salsinha e salsão.

É sempre importante lembrar que cada organismo reage de uma forma, então você pode experimentar alguns alimentos em pequenas quantidades e descobrir como seu organismo reage. Dependendo do resultado, você saberá quais deve evitar e quais ainda pode consumir.

Produtos para ostomizados

Quer conhecer mais produtos que contribuem para uma melhor qualidade de vida para os ostomizados? Confira nosso outro artigo sobre os produtos que todo ostomizado deveria ter. Boa leitura!