Você já sabe que a pratica regular de atividades físicas faz muito bem para o corpo e a mente, certo? Porém, a correria do dia a dia muitas vezes nos impede de cuidar adequadamente da saúde. Mas se esse é o seu caso, não se desespere! É possível, sim, fazer exercícios em casa e aproveitar melhor o tempo disponível.

Conheça 5 atividades que você pode fazer no conforto do seu lar!

1. Pular corda

Esse exercício aeróbico queima muitas calorias e, por isso, melhora o condicionamento físico e tonifica os músculos das pernas e glúteos. São muitos benefícios que podem ser alcançados por meio de uma simples brincadeira de criança.

Para pular corda com segurança, é preciso ter um espaço amplo, para que a corda gire livremente, sem bater em móveis, paredes ou teto. Como os pulos geram bastante impacto, busque utilizar calçados com sistema de amortecimento.

Comece fazendo séries de 15 saltos e eleve aos poucos a intensidade do treinamento, até conseguir se exercitar por 30 minutos seguidos.

O tipo de corda também faz diferença. Para que a atividade seja realmente eficaz, o ideal é ter um produto específico para realizar essa atividade. No site da Maconequi você consegue comprar corda de pular por ótimos preços.

2. Agachamentos

Os agachamentos mais simples reproduzem o movimento de sentar, porém, sem o descanso de apoiar em uma cadeira no final. Esses exercícios trabalham os músculos das pernas, glúteos e abdômen, além de contribuírem para a melhora do equilíbrio.

Para realizar essa atividade, use um cabo de vassoura como apoio e ganhe mais estabilidade segurando-o à frente do corpo com os braços esticados. Afaste os pés, mantendo-os paralelos e firmes no chão. Em seguida, agache sem levantar os calcanhares e mantenha a coluna alinhada.

A cada subida e descida, conte uma repetição. Faça 4 séries de 15 agachamentos cada. Conforme for ganhando prática, livre-se do cabo de vassoura e dificulte o exercício segurando pesos nas mãos, mantendo sempre os braços paralelos ao lado do corpo.

3. Avanço

Mais um ótimo exercício para o fortalecimento dos membros inferiores. Ele consiste na flexão de joelhos de forma a dobrar a perna em um ângulo de 90°. Para realizá-lo corretamente, é preciso deslizar um dos pés para frente, flexionando levemente a perna de trás.

A partir dessa posição inicial, desça até quase tocar o joelho da perna de trás no chão. Você pode executar o movimento apenas subindo e descendo ou andando caso tenha espaço.

Da mesma forma que para os agachamentos, você também pode utilizar pesos para tornar o exercício mais difícil. Tente fazer 4 séries de 12 a 15 repetições com cada perna.

4. Flexão de braços

Chegou a vez de trabalhar a parte superior do corpo, incluindo o músculo peitoral, ombros, braços e costas. Há diversas formas de realizar esse exercício, com diferentes graus de dificuldade.

Experimente começar deitando com a barriga voltada para o chão. Eleve o tronco com as mãos, mantendo as costas e pernas alinhadas. Em seguida, flexione o cotovelo e retorne à posição inicial. Caso o movimento seja muito difícil, apoie os joelhos no solo.

Se quiser mais intensidade e não tiver tendinite ou outro tipo de lesão nos pulsos, faça a atividade com impulso, jogando o corpo para cima ao retornar da flexão de braços. Seja qual for sua escolha, faça 5 séries de 12 repetições.

5. Prancha

Esse exercício de contração isométrica é ótimo para fortalecer os músculos abdominais e a região lombar. Dessa forma, é uma ótima opção para trabalhar a postura e o equilíbrio.

Você deve começar a prancha deitando com a barriga no chão. Em seguida, basta esticar os braços com as mãos apoiadas sob os ombros e elevar o tronco, tomando cuidado para manter as pernas e a coluna bem alinhadas. E então, tente sustentar essa posição por 20 segundos e fazer 10 repetições.

Para dificultar, pode realizar essa atividade colocando um pé sobre o outro ou levantando um braço e a perna oposta. Entretanto, não esqueça de manter o abdômen e as coxas contraídos durante toda a execução do movimento.

Viu quantas sugestões para fazer exercícios em casa? Você pode, ainda, aproveitar outros momentos do cotidiano para se exercitar. Que tal substituir o elevador pelas escadas ou o carro por pequenas caminhadas? Com alterações sutis na rotina, é possível usufruir dos benefícios que a prática de atividades físicas traz e envelhecer com saúde.

Mas vá com calma! Veja, antes, algumas dicas para evitar lesões musculares!