O Brasil tem cerca de 12 milhões de diabéticos, segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) e não existem dúvidas de que, quanto mais cedo o diabetes for tratado, menores serão seus efeitos colaterais no organismo. Por isso, é muito importante ficar atento aos sintomas da doença, seguir o tratamento indicado pelo médico e principalmente, cuidar da alimentação.

Pensando nisso, elaboramos este artigo com dicas de dieta para diabéticos. Acompanhe e viva com mais saúde!

A dieta para diabéticos 

A maioria das pessoas acredita que diabéticos precisam ter uma alimentação extremamente limitada, mas é justamente o contrário! A dieta para diabéticos precisa ser bem variada e composta por alimentos naturais que possam ajudar na estabilização dos níveis glicêmicos.

Não pode faltar, por exemplo, na dieta para diabéticos:

  • Legumes e verduras: quanto mais diversificado e colorido for seu prato, mais nutrientes, como fibras, vitaminas, minerais e antioxidantes você irá consumir. 
  • Grãos integrais: quinoa, chia, linhaça e outros grãos são aliados da saúde dos diabéticos, pois são excelentes no controle das taxas glicêmicas e suas fibras promovem saciedade, o que é importante para o controle do obesidade.  
  • Maçã: a casca da fruta possui pectina, muito importante para o controle da glicemia e para reduzir o mau colesterol. 
  • Banana: é uma fruta rica em fibras e minerais, como potássio e magnésio e pode ser consumida por diabéticos, mas dentro de uma dieta equilibrada formulada por especialista. 
  • Batata doce: o alimento queridinho de quem pratica atividades físicas, a batata doce possui baixo índice glicêmico, ajudando no controle da doença. 
  • Leguminosas: feijão, lentilha e o grão-de-bico também não podem faltar na dieta. Leguminosas ajudam a controlar as oscilações nos níveis de glicose no sangue e ainda são fontes de fibras, proteínas, antioxidantes e  vitaminas. 
  • Canela: além de dar aquele sabor e aroma especiais, a canela aumenta a sensibilidade à insulina e é importante no combate ao combate ao colesterol ruim (LDL). 
  • Gorduras: gorduras são importantes fontes de energia, mas é preciso escolher versões saudáveis que são fonte de ômega 3 e de outros ácidos graxos. Por isso, consuma sem medo abacate, amêndoas, castanhas, azeite de oliva, entre outros alimentos. 
  • Aveia: é rica em fibra solúvel que aumenta a sensibilidade à insulina e evita os picos de açúcar no sangue.

Dicas para a dieta

Além de inserir os alimentos mencionados acima na sua dieta, é interessante observar o seguinte:

  • Diabéticos não devem pular o café da manhã. Ele é importante para evitar o ganho de peso, já que ajuda a regular  a sensação de saciedade durante o dia. 
  • O consumo de sal deve ser o menor possível, já que ele pode levar ao aumento da pressão sanguínea.
  • O diabético deve fazer refeições fracionadas durante o dia para manter equilibrado o nível de açúcar no sangue.
  • Evite frituras, prefira sempre alimentos assados e grelhados.
  • Os produtos diet devem ser consumidos sob orientação de um especialista.
  • As frutas estão liberadas, principalmente aquelas que são ricas em fibras e menos calóricas. 
  • Substitua o leite integral pelo desnatado, que tem menos gordura. 
  • A carne vermelha é muito importante na dieta, principalmente por ser fonte de proteínas, ferro e vitamina B12. Porém, prefira sempre os cortes magros, como lagarto, patinho e alcatra.
  • Na dieta para diabéticos não pode faltar peixe, especialmente aqueles que são fontes de ômega 3, como salmão, atum e sardinha.

Bem, agora você já sabe como a dieta para diabéticos pode ser rica e variada, não tem mais desculpas não se alimentar corretamente, certo? E claro, mesmo com a alimentação correta é importante fazer a verificação constante da glicose. E, para que ela seja feita da maneira adequada, o ideal é ter em casa seu equipamento próprio

Na nossa loja de produtos para diabetes, temos as melhores marcas de aparelhos medidores. Escolha o modelo que se adeque à sua necessidade e à sua rotina!