Início>Profissionais da Saúde>Formação>Saiba mais sobre o curso de cuidador infantil e quando fazê-lo!

Saiba mais sobre o curso de cuidador infantil e quando fazê-lo!

Por |2019-12-19T14:00:06-03:0028/06/2019|Formação, Profissionais da Saúde|0 Comentários

Cuidar de um recém-nascido ou acompanhar uma criança pequena demanda certas habilidades, conhecimentos e principalmente um olhar sempre atento. Por isso, um curso de cuidador infantil é fundamental para quem quer se preparar para esse mercado de trabalho que só cresce no país.

O treinamento capacita profissionais a lidarem com questões da rotina infantil e a estimularem o desenvolvimento dos pequenos, enfatizando aspectos emocionais, morais, intelectuais e, também, questões físicas das crianças. Ficou interessado? Então siga a leitura do post e saiba mais sobre o curso de cuidador infantil e quando fazê-lo.

Por que fazer um curso de cuidador infantil?

O objetivo do curso de cuidador infantil é oferecer ao profissional um domínio profundo sobre temas como alimentação, conforto e higiene da criança. Além disso, o cuidador deve ser capaz de observar alterações no seu estado geral, sempre zelando por sua integridade física. Por isso, a capacitação inclui treinamento de primeiros socorros.

Mas o trabalho de um cuidador infantil vai além das tarefas do dia a dia. Ele também é responsável por acompanhar e proporcionar aos pequenos educação, cultura, recreação e lazer assistidos. Por isso, o profissional precisar estar preparado para o cuidado integral, que contribuirá para o desenvolvimento saudável, equilibrado e pleno da criança sem perder de vista a essência da infância.

Especialização cada vez mais exigida

Apesar de o curso de cuidador infantil não ser obrigatório, ele é cada vez mais exigido, dado o nível de conhecimentos e habilidades específicos requisitados para esse tipo de trabalho. Muitas mães que enfrentam a dupla jornada e, por isso, não conseguem oferecer aos seus filhos uma atenção integral buscam por esses profissionais para que possam atender a seus filhos em diversos aspectos.

Mas, hoje, a oferta de emprego nessa área vai além das casas de família. Um profissional habilitado pode trabalhar como berçarista em escolas, por exemplo. Além disso, é possível atuar com recreação em projetos sociais, shoppings e buffets.

Outra possibilidade são os programas internacionais de au pair, em que jovens, geralmente em intercâmbio, trabalham como babás em outros países. A maioria das agências que oferecem esse tipo de programa exige um certificado de cuidador infantil, que só pode ser obtido por meio de um curso.

Qual o perfil do cuidador infantil?

Como vimos, o cuidador infantil precisa estar disposto a oferecer esse atendimento integral à criança. Alguns outros requisitos são fundamentais, como:

  • equilíbrio emocional;
  • boas condições físicas;
  • responsabilidade;
  • calma para lidar com situações de emergência;
  • agilidade para tomar resoluções rápidas;
  • vontade de aprender e se reciclar.

Muitas mulheres que têm afinidade com crianças e desejam conquistar a independência financeira iniciam no mercado como cuidadoras infantis. O curso possibilita que elas aliem o conhecimento prático, já que muitas são mães, a posturas profissionais indispensáveis para quem vai cuidar dos filhos de outras pessoas.

Por outro lado, educadores, que já lidam com questões ligadas ao desenvolvimento cognitivo, buscam o curso de cuidador infantil para adquirirem habilidades mais práticas ligadas à higiene e a questões de saúde.

Enfim, esse profissional precisa estar atento à rotina da criança, às características de cada etapa de crescimento e preparado para lidar com todo tipo de imprevisto. Por isso, o ideal é se especializar por meio de um bom curso de cuidador infantil. Assim, você estará totalmente apto para esse mercado de trabalho.

Quer saber mais sobre assuntos relacionados? Também temos um ótimo texto sobre Cuidadores de Idosos. Leia em: Quando começar um curso para cuidador de idosos.

Deixar Um Comentário