Início>Cuidados com a saúde, Prevenção, Produtos para Saúde, Qualidade de Vida>Aprenda os principais cuidados com a pele periestomal

Aprenda os principais cuidados com a pele periestomal

A pele periestomal é a pele ao redor do estoma (abertura feita na parede abdominal por meio de uma ostomia). Com a troca contínua da bolsa coletora, é comum acontecer algumas complicações nessa área, seja uma alergia, irritação na pele ou até problemas mais sérios, como foliculite e úlcera por pressão.

Seja qual for o problema, é incontestável o fato de ser um grande incômodo, dificultando a rotina de cuidados com a pele periestomal que, por si só, já é trabalhosa. Por isso, é primordial cuidar de forma correta dessa área ao redor do estoma. E é disso que nós vamos falar neste post.

Cuidando da pele ao redor do estoma

Existem diversos produtos para ostomia que auxiliam nos cuidados com a pele periestomal.  Vamos falar um pouco sobre eles aqui também, mas nem todo procedimento precisará necessariamente de algum produto específico.

O aspecto normal da pele ao redor do estoma não tem erupções, áreas vermelhas nem áreas doloridas, ela se parece com a pele de qualquer outra região do abdômen. Por isso, se ao cuidar da pele periestomal você notar alguma anormalidade, é preciso ter uma atenção maior.

Removendo o adesivo

A placa que fica colada à pele costuma causar irritação na região próxima ao estoma por conta do adesivo. Isso pode gerar algum incômodo no momento que você retira a bolsa. Para evitar essa irritação, existem produtos chamados removedores de adesivos. Eles facilitam a remoção da placa sem que você faça uma depilação involuntária junto. 

Esses removedores costumam ser menos agressivos para a pele do que o éter ou a benzina, por exemplo, já que foi criado especialmente para a pele periestomal.

Ao usar o removedor, não esqueça de enxaguar muito bem a pele para retirar o produto antes de prosseguir com os cuidados. Não existe nada mais incômodo do que remover um adesivo da pele, principalmente de uma área tão sensível, mas se você fizer da forma correta, não sentirá incômodo algum.

Cuidando do estoma

Pode acontecer de restos de fezes ou urina sejam encontrados no estoma. É fundamental que essa área seja muito bem limpa, pois a presença desses resíduos corporais, ainda mais se escorrerem para a região periestomal, podem ocasionar irritação ou até mesmo uma infecção na pele ao redor, como já citamos no começo desse post.

Não há necessidade de comprar um produto específico para fazer a limpeza do estoma. Você pode limpar a região usando apenas um pedaço de papel higiênico. 

Depois de limpar o estoma, você vai precisar também higienizar a pele ao redor. Vamos falar melhor sobre como higienizar essa parte.

Higienizando a pele periestomal

Existem algumas alternativas para higienizar de forma eficaz a pele ao redor do estoma. Você pode usar apenas água morna ou lenços próprios para esse tipo de cuidado. 

Se for limpar com água, seja na pia do banheiro ou no chuveiro, lembre-se de secar com uma toalha macia ou até mesmo uma toalha de papel.

Se for preferir usar um lenço, saiba que não é aconselhado usar lenços umedecidos comuns, pois eles deixam resquícios que podem irritar a pele e até mesmo prejudicar a aderência do adesivo. Com os lenços próprios para cuidados com a ostomia esse tipo de problema não ocorrerá.

Encontrei sinais de irritação na pele periestomal, e agora?

Se você foi higienizar seu estoma e sua pele e notou alguns sinais de irritação, a primeira coisa que você deve fazer é identificar a causa dessa irritação. 

Como está o estoma? Plano? Convexo? Mudou de tamanho (isso só é normal nas primeiras 6-8 semanas após a cirurgia ou se você sofrer alguma grande alteração de peso)? Há sinais de vazamento?

O tratamento desse tipo de complicação da ostomia e da pele periestomal deve ser feito por um médico ou enfermeiro estomaterapeuta. Mas existem algumas dicas básicas que vamos te dar para esse primeiro momento de cuidados. Lembre-se: caso essas dicas não sejam suficientes, procure um médico o mais rápido possível.

Lidando com as secreções

É comum que a pele irritada ou machucada drene um pouco de secreção. Essa secreção acontece devido ao processo inflamatório local e traz alguns problemas como a má aderência do adesivo da placa. Isso pode ocasionar vazamento de resíduos corporais, aumentando ainda mais a irritação e drenando ainda mais secreções no local.

Outro problema que essas secreções podem causar é a infecção oportunista. Como a secreção é rica em proteínas e por isso muito nutritiva para bactérias e fungos, ela pode causar uma infecção no local. Essa infecção agrava o processo inflamatório e também aumenta a drenagem de secreções.

Nesse caso, é necessário higienizar a área de forma cuidadosa, eventualmente usando apenas água morna, e fazer a secagem usando um secador de cabelos na temperatura fria para evitar fricções com toalhas e lenços no local. Já para lidar com a secreção e a umidade local você pode usar alguns produtos para ajudar.

Anel, pasta ou fita adesiva

O anel, a pasta ou a fita adesiva são produtos feitos de um material que tem uma consistência parecida com uma massa de modelar ou argila. Sendo assim, é possível moldar em qualquer formato, cortar ou amassar.

Eles são usados sobre a área úmida para promover uma superfície seca e garantir a perfeita aderência do adesivo. Esses produtos absorvem as secreções eliminadas pela pele irritada e impede vazamentos.

Pó e spray de barreira

A função do pó e do spray barreira é a mesma dos produtos citados anteriormente. O que difere é o tempo de aplicação e o custo, que é menor. 

O processo é basicamente cobrir a área vermelha, dolorida e úmida com uma camada de pó que será umedecido pelo spray. Quando a camada secar (a cor fica mais clara conforme vai secando), o processo deve ser repetido mais uma ou duas vezes.

Creme barreira

A barreira em creme é um pouco mais prática. A aplicação é uma camada fina na pele limpa, espalhada suavemente. O excesso do creme pode ser retirado com um lenço de papel e é preciso esperar secar por alguns minutos para colocar o adesivo.

Dicas importantes para cuidados com a pele periestomal

  • Lave bem as mãos antes e depois da lavagem da bolsa ou de qualquer procedimento que for fazer na área do estoma.
  • Se a pele apresentar coceira ao redor do estoma, tire a bolsa imediatamente.
  • Caso tenha pelos na pele periestomal, utilize tesoura para cortar. Utilizar barbeador pode causar inflamação nos pelos.
  • Sempre esvazie a bolsa antes de dormir para ter mais segurança;
  • Se for usar sabonete, opte pelo líquido e neutro para evitar grandes agressões na pele.
  • O recorte da placa deve ser feito do tamanho exato do estoma, pois o contato dos resíduos corporais com a pele pode danificá-la.

Quer saber mais sobre o assunto? Confira nossos posts sobre os principais tipos de bolsas de ostomia e também como cuidar e limpar a bolsa de ostomia. Boa leitura!

Deixar Um Comentário