Como usar o termômetro digital e o termômetro infravermelho 
>, Prevenção, Produtos para Saúde>Como usar o termômetro digital e o termômetro infravermelho 

Como usar o termômetro digital e o termômetro infravermelho 

O uso do termômetro de mercúrio se tornou proibido no Brasil no dia 1º de janeiro de 2019 pela Anvisa. Apesar da proibição não se aplicar ao uso residencial, o recomendável é que a temperatura do corpo seja medida por um termômetro digital ou infravermelho, já que o mercúrio tem um impacto muito grande no meio ambiente e na saúde humana. Você sabe como usar o termômetro digital e o infravermelho da forma correta?

A febre é um mecanismo de defesa do nosso organismo que ajuda a combater algumas anomalias. Ela pode aparecer em casos de gripe ou doenças infecciosas mais graves.

É importante ter um termômetro em casa para conseguir fazer o acompanhamento da temperatura corporal. Em caso de alguma enfermidade que causa febre, é essencial saber quando a temperatura está elevada ou muito baixa e quando ela já normalizou. Para isso, é preciso saber interpretar a temperatura do corpo. É considerado:

  • hipotermia quando a temperatura está igual ou menor que 35ºC;
  • normal quando a temperatura está entre 36ºC e 37.5ºC;
  • febre quando a temperatura está entre 37.6ºC e 39.5ºC;
  • febre alta quando a temperatura está entre 39.6ºC e 41ºC;
  • hipertermia quando a temperatura está igual ou maior que 41ºC.

Como usar o termômetro digital?

Para medir a temperatura do corpo com o termômetro digital não tem mistério. Você só precisa ligar o aparelho, esperar que no visor apareça o número zero e colocar a parte prateada na axila. O próprio termômetro vai sinalizar o momento de retirar o aparelho para verificar a temperatura.

É fundamental a higienização do termômetro, que pode ser feita com algodão e álcool, já que ele também pode ser usado embaixo da língua ou no reto, onde só deve ser introduzindo a parte prateada do aparelho. Nesse último caso, é indicado usar o termômetro de ponta flexível.

Como usar o termômetro infravermelho?

Além dos digitais, existem também outros tipos de termômetros, como os infravermelhos, que são utilizados para medir a temperatura à distância, pelo ouvido ou pela testa. Com o termômetro timpânico ou auricular, é preciso apenas colocar a ponta do aparelho no interior do ouvido, pressionar o botão de ligar até ouvir o sinal sonoro e conferir a temperatura, que aparece na hora.

Já com o termômetro de testa, é preciso ligar primeiro. Alguns modelos permitem que a temperatura seja medida encostando o aparelho na pele ou com uma distância de até 5 cm. Lembrando sempre de fazer a higienização após o uso.

Informações importantes sobre cada tipo de medição

  • O método mais comum e prático é medir a temperatura pela axila, mas não costuma ser tão preciso quanto a medição pelo reto.
  • Para usar o termômetro embaixo da língua é preciso evitar bebidas quentes ou frias 15 minutos antes da medição. Para as crianças pequenas já existe um termômetro em formato de chupeta, que facilita muito.
  • Para medir a temperatura pelo ouvido, é necessário um termômetro próprio para isso. O ideal é fazer a medição sempre no mesmo ouvido e repeti-la, pois pode haver variações dependendo da quantidade de cera.
  • Quando for medir a temperatura pela testa, é recomendável ficar parado até ouvir o sinal sonoro. A presença de suor também pode interferir no resultado.
  • O método mais preciso, principalmente em bebês, é a medição retal.

Para escolher qual é o melhor termômetro para você, busque por características que vão facilitar o momento de medição. Se você procura por rapidez, há aparelhos que fazem a medição em poucos segundos

Para quem tinha dificuldade em ver a temperatura nos antigos termômetros de mercúrio, os digitais são perfeitos! Alguns, inclusive, possuem visores iluminados, em caso de precisar fazer a medição no escuro, no meio da madrugada. Escolha o que mais lhe será útil e faça um bom uso!

Deixe seu comentário