Tudo o que você precisa saber sobre como tirar leite materno
>>>Tudo o que você precisa saber sobre como tirar leite materno

Tudo o que você precisa saber sobre como tirar leite materno

Por |2019-11-11T10:00:20+00:0001/11/2019|Cuidados com a saúde, Qualidade de Vida|0 comentários

Quando a licença maternidade termina antes dos seis primeiros meses de vida da criança, é preciso saber como tirar o leite materno para criar um estoque e continuar alimentando a criança da melhor forma possível.

O leite materno é composto por nutrientes e propriedades imunológicas que o leite artificial não tem. Por isso, o Ministério da Saúde e a Organização Mundial de Saúde (OMS) orientam que as mamães alimentem seus filhos apenas com leite materno nos primeiros seis meses de vida.

O processo de amamentação tem grande importância para o bebê. Além de prevenir alergias, cólicas e anemia, também combate a anemia, fortalece a imunidade e ajuda no desenvolvimento cognitivo e da arcada dentária. A amamentação também diminui o estresse, já que o bebê fica mais calmo quando está tão próximo da mãe.

Ordenha Manual ou Bomba Tira Leite?

Há duas formas de tirar o leite: usando a técnica manual ou com a bombinha. A técnica manual requer mais tempo e prática, pois é preciso massagear bem as mamas antes de começar a extrair o leite e, para pegar prática, é preciso repetir o processo várias vezes, mas o custo é zero.

Já a bombinha pode ser elétrica ou manual. Elas costumam ter valores que variam de R$ 20 a R$ 200 e podem ser encontradas em lojas de produtos para a saúde. Na nossa loja virtual, temos ótimos modelos de bombas tira-leite, elétricos e manuais.

A bombinha manual costuma ser mais barata e compacta, porém possui um processo mais complicado para fazer a extração. A bombinha elétrica tem um custo maior e deixa a mãe dependente de energia elétrica ou das pilhas, mas possibilita tirar uma grande quantidade de leite e bem mais rápido, sem cansar.

Passo a Passo: Como tirar leite materno (técnica manual)

Antes de tudo, capriche na massagem nas mamas em movimentos circulares e de forma delicada. Coloque uma compressa quente para facilitar a saída do leite na hora da extração. Não esqueça de lavar bem as mãos. É importante que você esteja em um lugar tranquilo, pensando em coisas boas e no bebê, pois a ocitocina (conhecida como o hormônio do amor) ajuda a ejetar o leite. Vamos ao passo a passo:

1-     coloque a mão em formato de “C” nas bordas das aréolas. Você precisa apertar essas bordas e a lateral do seio. Se apertar no bico ou até mesmo muito longe da aréola, vai machucar;

2-     você deve desprezar os primeiros jatos. Depois disso, o leite deve sair do peito e cair diretamente no vasilhame;

3-     quando o fluxo reduzir demais, troque de lado;

4-     repita o processo até extrair a quantidade necessária; e

5-     assim que terminar, coloque algumas gotas de leite nos mamilos e deixe secar ao ar livre.

Como armazenar o leite materno

O recomendado é armazenar o leite em um vasilhame esterilizado (escaldado) e com tampa. Depois de escaldar, não seque, deixe escorrendo para evitar contaminação com as bactérias do pano.

Quando guardar o leite, coloque uma etiqueta no vasilhame com data e hora da extração para ter um controle melhor, pois a validade do leite depende de onde ele será armazenado. Confira a tabela:

armazenamento e validade do leite materno | como tirar leite materno

Como utilizar o estoque de leite materno

Caso o leite esteja congelado, é preciso descongelar na geladeira e depois aquecê-lo em banho-maria com o fogo desligado. Não é recomendado o uso do micro-ondas,  nem de mamadeiras. O ideal é oferecer para o bebê, que deve estar sentado e levemente inclinado, em uma colher e em pouca quantidade. O que sobrar, jogue fora.

Para quê ordenhar (tirar) o leite materno?

Há diversas razões pelas quais a mulher tenha necessidade de tirar o leite. Listamos aqui algumas:

1-     quando o bebê é prematuro ou muito pequeno e não consegue sugar a mama;

2-     quando a mãe precisa se ausentar, está doente ou precisa tomar algum medicamento;

3-     aumentar a produção de leite, considerando que quanto mais se esvazia a mama, mais leite ela produz;

4-     quando o seio está muito cheio e precisa esvaziá-lo um pouco para ajudar o bebê a pegá-lo;

5-     para que o pai também participe do processo de amamentação;

6-     quando a mãe precisa voltar ao trabalho ou se ausentar por um tempo; e

7-     para doar a um Banco de Leite Humano.

Informações importantes 

 Antes de iniciar a extração é essencial alguns cuidados

  • cobrir ou prender os cabelos, colocar uma fralda ou máscara sobre o nariz e a boca, lavar as mãos e os braços até o cotovelo com água e sabão, lavar as mamas apenas com água e secar com uma toalha limpa;
  • é preciso estabelecer uma rotina para estimular a produção de leite em horas fixas do dia.
  • Caso a mulher tenha algum problema na hora de amamentar ou sinta dores ao extrair o leite, ela deve interromper o processo e buscar a orientação de um médico, pois não é comum ser um processo doloroso;
  • ao utilizar bombinhas, é preciso fazer uma lavagem completa por dia, desmontando o kit e ferver todas as peças (não elétricas) por 5 minutos. Os componentes elétricos podem ser limpos com um pano seco.

Afinal de contas, qual método devo utilizar para tirar leite? 

Se a mulher vai extrair o leite com as mãos ou utilizar a bombinha, seja ela manual ou elétrica, vai depender dela mesma. O ideal é que a escolha seja feita baseada na comodidade e na praticidade da mãe. Tudo vai depender do método que ela achar mais fácil e da quantidade de leite que ela deseja extrair.

Deixe seu comentário