Como ajudar alguém com crise de ansiedade?

| | ,

É comum conhecer alguém que sofre de ansiedade, isso porque o Brasil é recordista mundial no assunto. São 18,6 milhões de brasileiros com algum tipo de transtorno como esse, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Por isso é tão importante saber como ajudar alguém com crise de ansiedade.

Os sintomas da crise de ansiedade envolvem medo, angústia e pensamentos irracionais. Por esse motivo, quando esses episódios vêm é preciso saber como acalmar quem está passando por ele.

Mas você sabe o que fazer nessas horas? Se você quer entender um pouco mais sobre como ajudar alguém nessa situação, continue a leitura!

O que fazer para ajudar alguém com crise de ansiedade?

Apesar do descontrole emocional que uma crise de ansiedade gera nas pessoas. Existem meios certos de ajudar alguém que está passando por isso. São eles:

Tenha empatia

Em primeiro lugar, é importante ter em mente que a crise de ansiedade é um problema real, que traz sofrimento para quem passa. Mesmo que seja algo que não nos atinja, precisa ser olhado com atenção e empatia.

De nenhuma forma tente dar a entender que a situação é bobagem ou uma escolha. Essa é uma fala desrespeitosa e nada compreensiva. Nesse momento a pessoa precisa de acolhimento.

Evite frases otimistas

Durante uma crise de ansiedade a pessoa não consegue pensar positivamente. Por isso, usar frases como “vai ficar tudo bem” ou “vai passar” não ajudam efetivamente. 

Para o indivíduo em crise pode parecer que estamos fazendo pouco caso do sofrimento dele. Por isso, você pode substituir frases de autoajuda por um “você pode contar comigo”.

Escute mais

Ouvir o que uma pessoa com crise de ansiedade tem a dizer também é uma boa alternativa para acalmá-la. Por isso devemos prestar atenção na fala do ansioso, sem julgamentos. Isso pode ser um meio de contornar a situação.

Também é importante respeitar a forma de diálogo de quem está passando pela crise. Forçar algo durante esse momento não irá ajudar. 

Procure um local tranquilo

A crise de ansiedade pode acontecer em qualquer lugar. Por isso se a pessoa em crise está em um local público, principalmente se o ambiente estiver muito cheio ou muito barulhento, a convença a ir a um lugar calmo e arejado, até que passe. 

Frequentar locais abertos, principalmente os com natureza, pode ajudar a acalmar a crise. Mas é importante não pressionar a pessoa, sugira de forma gentil.

Sugira exercícios respiratórios

A falta de ar e a alteração na respiração fazem parte dos sintomas da crise de ansiedade. Por esse motivo é importante sugerir e ajudar a pessoa a controlar a respiração por meio de exercícios respiratórios. Mas como?

  • respire junto com ela: faça com que ela imite a sua frequência respiratória; 
  • regule a respiração: tente induzir a pessoa a puxar o ar pelo nariz e soltar pela boca;
  • desacelerar o ritmo da respiração: se possível, com a ajuda de um relógio, faça a contagem da respiração da pessoa junto com ela. O ideal é que ela inspire em 5 segundos e expire em 3, soltando o ar bem lentamente;
  • faça isso repetidas vezes: repita os passos anteriores até que ela se acalme.

Dessa forma a pessoa em crise irá se acalmar e consequentemente os sintomas também irão embora.

Tire o foco da situação 

Focar nas reações do corpo durante uma crise de ansiedade pode fazer com que ela se agrave. Por essa razão, é importante fazer com que a pessoa tire o foco desses sintomas. Você pode sugerir algumas coisas:

  • olhar ambiente em volta dela;
  • contar objetos ao redor;
  • conversar sobre boas lembranças;
  • nomear cores ou formas do ambiente.

Esses passos podem ajudá-la a focar em outras coisas além da crise e fazer com que os sintomas passem mais rápido.

Não ofereça entorpecentes

O álcool e as drogas ilícitas não devem ser usados para o alívio dos sintomas da crise de ansiedade. Pois além de promover um possível vício, a mistura dessas substâncias com a crise pode piorar os sintomas, ao invés de diminuí-los. 

Evite suspenses, seja objetivo

O que pessoas com ansiedade menos precisam é criar expectativas dentro de si. Isso pode deixá-los ainda mais ansiosos. Por esse motivo, tente sempre ser direto, para não causar um estresse desnecessário.

Saiba identificar uma crise de ansiedade

Saber reconhecer quando uma crise de ansiedade é muito importante. Isso te ajuda a não deixar passar despercebido ou não prestar apoio àquela pessoa. Conheça alguns sintomas:

  • inquietação e agitação física;
  • falas pessimistas e/ou irracionais;
  • respiração acelerada;
  • falta de ar;
  • queixa de palpitações e dores no peito;
  • tremores;
  • suor em excesso;
  • choro descontrolado.

Reconhecendo esses sinais você fica mais atento para prestar ajuda caso aconteça.

A partir de agora já sabemos o que podemos fazer para ajudar alguém com crise de ansiedade. Este artigo te ajudou? Aqui no blog da Maconequi temos muitos outros conteúdos sobre saúde e bem-estar. Vem conferir!

Anterior

O que é crise de ansiedade, sintomas e como controlar?

Estresse pós-traumático: o que é e como identificar os sintomas?

Próximo

Deixe um comentário