Início>Cuidados com a saúde, Prevenção, Qualidade de Vida>Entenda o que é bandagem terapêutica e quando usar

Entenda o que é bandagem terapêutica e quando usar

A bandagem terapêutica é um acessório que promove o alinhamento funcional das articulações. As fitas adesivas colocadas sobre áreas específicas do corpo têm ação anestésica, previnem lesões e auxiliam a circulação, sendo muito utilizada por atletas que sofreram alguma disfunção de movimento ou mesmo pequenas lesões musculares, como estiramentos.

Apesar de esse ser seu uso mais conhecido, ela também contribui com a qualidade de vida de idosos, por exemplo. Continue a leitura e saiba mais sobre o que é esse acessório, quais são os seus benefícios e como ele deve ser utilizado.

O que é a bandagem terapêutica?

A bandagem terapêutica foi criada pelo quiroprata japonês Kenzo Kaze, na década de 1970. O objetivo era auxiliar a estabilidade de atletas. Com o tempo, as fitas têm se tornado cada vez mais populares entre esportistas e seus benefícios vão sendo observados e comprovados.

A fita elástica promove tração e compressão na pele. Esse estímulo chega até o cérebro, que começa a enviar respostas sensoriais e mecânicas para a área tratada. Como resultado, os receptores de dor passam por normalização e o aumento do fluxo sanguíneo acelera a cicatrização e a desinflamação.

Quando ela deve ser utilizada?

A utilização da bandagem terapêutica parte de recomendação fisioterápica. Atletas, idosos, crianças ou quaisquer adultos podem aproveitar dos benefícios das fitas adesivas. As únicas contraindicações se referem a áreas do corpo com feridas abertas, trombose, infecções ou alergias.

Aplicação e cuidados

As fitas podem ser aplicadas pela própria pessoa, mas o ideal é que um profissional da área faça as primeiras orientações, já que o corte, o tipo de fita, a posição e a direção fazem toda a diferença nos resultados e no sucesso do tratamento. Com o auxílio de uma tesoura para bandagem, os cortes são realizados no formato recomendado (de acordo com os objetivos da aplicação). Depois, basta higienizar a pele e aplicar a fita na posição e direção corretas.

A depender do modelo e da marca da fita, ela pode permanecer na pele entre três e cinco dias, mas algumas duram até sete. Não há restrição em relação à hora do banho: a bandagem resiste à água sem grandes problemas e também não prejudica a respiração cutânea.

Quais são os benefícios da bandagem terapêutica?

Os maiores benefícios desse acessório são a melhora na circulação sanguínea devido à tração e a propriocepção — capacidade de o cérebro reconhecer a localização espacial de determinada área do corpo (posição, orientação, força muscular etc.).

Esse último aspecto está relacionado à correção de posicionamentos inapropriados de tecidos e articulações e à normalização do tônus muscular. Além disso, a fita atua sobre os receptores cutâneos de dor, sendo bastante reconhecida por sua ação anestésica. Entre as principais aplicabilidades da bandagem terapêutica estão:

  • correções posturais e de funções musculares;
  • ataduras para imobilização;
  • diminuição de inflamações;
  • drenagem de hematomas e edemas;
  • redução do intervalo de amplitude de movimentos;
  • alinhamento biomecânico de tecidos e articulações;
  • normalização de contrações musculares, entre outros.

Todos esses benefícios da bandagem terapêutica dependem da avaliação e do acompanhamento de um profissional qualificado. Além disso, precisamos ressaltar que a bandagem não substitui outros tratamentos, principalmente em caso de lesões mais graves. A Maconequi trabalha com diversos artigos ligados à saúde e ao bem-estar. Entre em contato conosco e conheça nossos produtos.

Deixar Um Comentário